Sunday, May 17, 2009

29+1

Pois é...
Ora hoje faço 30 anos...

E ao contrário do que esperava, o dia de hoje parece-me bastante normal...

O mundo não acabou, o apocalipse não se deu e eu continuo igual ao dia de ontem...

Estranho... Pois eu era capaz de jurar que o dia hoje ia tremer...
Mas não, continua tudo na mesma, não sinto nas costas o peso da idade e a minha cara não apresenta uma nova ruga...


Epa, isto de ter uma idade no BI e aparentar outra tem que se lhe diga...

De maneira que fui fuçar o que se diz por aí sobre gajas na casa dos 29+1 e eis que, na verdade, apesar da fantochada, achei um texto que me satisfez:

«A fisionomia da mulher só começa aos trinta anos, já dizia Balzac (...)
A mulher de trinta anos sabe quem é e sabe bem o poder que tem. Não precisando mais de muitos dos joguinhos que algumas jovens fazem para testar sua capacidade, ela se dedica a outros jogos, muito mais interessantes e excitantes. Relacionar-se com uma mulher de trinta anos é ensinar e aprender. É ter uma amante perfeita e, ao mesmo tempo, uma companheira de humor sem frescuras, uma amiga capaz de entender e se deliciar com todas aquelas referências pop que você levou décadas para colecionar(...)» in Hedonismos

É isso aí cara... Gostei!!


6 comments:

belinha said...

PAAAAAAAAAARAAAAAAAAAAAAAAABÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉNS!!!!!!

Miúda, tas no auge, aproveita as coisas boas e curte ao máximo!!
Temos que ir lachar, ou coisa que o valha!! e mandei-te mensagem po 91, de manhã, mas acho que o tinhas desligado... não tenho guito pa mandar po outro :(

beijinhos gigantes

Freddy said...

Ontem nao consegui enviar sms pois estava a fazer mais uma etapa do caminho de santiago. Hoje tentei para o teu tag mas não foi entregue... Bom, por aqui ao menos sabes q me lembrei de ti. Um grande beijinho (atrasado) de PARABÉNS! :)

HeartLess said...

Quando é preciso procurar textos desse género é sinal que tens a autoestima muito vergada...

Fallen, The Countess said...

Oh homem (heartless) cale-se!!
Você só diz asneiras pah...

P.A. said...

Parabéns, meu amor.
Ausente mas nao esquecido!
Adorei falar contigo ao telefone. A ver se nos conseguimos ver em Lisboa ou assim.
Adoro.te

S. G. said...

parabéns, pelo aniversário e pelo texto :)